7 dicas para fazer uma decoração de quartos de bebê impecável

decoração de quartos de bebê
6 minutos para ler

A chegada de um bebê é um dos momentos mais esperados pelas famílias. Junto com esta espera, existem mil e um preparativos: o enxoval, o local de nascimento e, claro, o quarto da criança. Sabendo disso, o mercado está cheio de opções de decoração de quartos de bebê capazes de encher o coração de qualquer mãe.

E se engana quem pensa que a decoração está só na cor das paredes ou nos quadros que vão compor a estética do ambiente. Há móveis dinâmicos, cortinas, temas e muito mais coisas para serem decididas, independentemente se você decidiu comprar ou alugar um novo imóvel para a chegada da criança, ou se vai preparar o quarto no imóvel que já mora.

Para ajudar você a tornar esse momento tão especial em uma tarefa mais prática, preparamos este post com 7 dicas de decoração de quarto de bebês para quem aluga, quer comprar ou já tem um imóvel novo. Confira!

1. Escolha o tema do quarto

O primeiro passo para decorar o quarto do seu bebê é pensar no tema. Essa escolha é o ponto de partida para orientar você em todas as demais decisões. Existem quartos com temas de personagens de desenhos, mas hoje a tendência é criar o seu próprio, como tema náutico, de natureza, de circo, de nuvens, de safári e do que mais sua criatividade permitir.

A definição do tema vai ajudar, ainda, na hora de escolher as cores principais. Pode ser bastante divertido, inclusive, brincar com duas ou mais tonalidades. Lembre-se de que não há a necessidade de se limitar ao rosa para meninas ou azul para meninos: há um sem fim de possibilidades! Veja mais no próximo item.

2. Defina as cores

A dica para você acertar nas cores do quarto do bebê é escolher uma paleta neutra. Isso não é uma regra, mas vai ajudar você a ter mais liberdade de escolher os outros elementos da decoração. As cores neutras ajudam com um pano de fundo capaz de combinar com quase todas as outras cores.

Hoje, a tendência é fugir do azul e rosa absoluto e optar por composições mais leves e modernas. É importante, no entanto, manter as tonalidades mais leves, já que os bebês podem ser mais sensíveis aos estímulos das cores vibrantes. Isso não significa que você não poderá usá-las; pode, mas com cautela e em elementos mais discretos, como nichos, quadros e bichos de pelúcia. Assim, você deixa o ambiente alegre, mas sem ficar carregado.

3. Opte por decorar com papel de parede

Papéis de parede são ótimas opções de decoração de quartos de bebês. Versáteis, são encontrados em diversas cores, texturas e estampas e podem atender aos mais diversos gostos. É importante, no entanto, que o desenho do papel harmonize com as demais escolhas para o espaço, evitando que a estampa concentre toda atenção ou que a decoração fique “poluída”.

Uma ideia é aplicar o papel em uma só parede do quarto ou concentrá-lo em um espaço que contenha poucas intervenções, como a parede onde vai ficar o berço, por exemplo. Além disso, também é possível poupar a parede inteira e escolher uma faixa horizontal que combine com o tema escolhido. Tudo depende da sua criatividade e do espaço disponível.

4. Fique atento ao espaço do quarto

Essa é uma das dicas mais importantes para quem quer decorar o quarto do bebê, principalmente para quem mora em apartamentos compactos. Para que tudo fique como você sonhou, estude bem o espaço. Cômodos pequenos, por exemplo, precisam de mais cuidado, já que qualquer erro pode comprometer a circulação de pessoas ou deixar a decoração pesada. Se esse é o seu caso, faça testes e opte por objetos pequenos e mais discretos.

Para evitar problemas para decorar o apartamento pequeno, tire as medidas do quarto e leve as anotações com você sempre que precisar tomar uma decisão com relação ao quarto do bebê. Isso é especialmente indicado na hora de adquirir uma cômoda, berço ou guarda-roupas, já que eles ocupam bastante espaço.

5. Instale nichos decorativos

Nichos são aquelas prateleiras únicas que ficam penduradas nas paredes, sem que façam parte de uma estante. Em formatos variados, eles deixam a decoração divertida e ainda economizam espaço do quarto do bebê.

Por outro lado, se as paredes forem neutras, vale a pena apostar em nichos mais coloridos. Aproveite a praticidade dos objetos e organize os elementos do quarto, como bichos de pelúcia, livros, sapatinhos e outras fofuras. Os nichos organizam o espaço e ainda servem como elemento decorativo.

6. Aposte na decoração dinâmica

A decoração dinâmica é a melhor opção para quem não gosta, não quer ou não pode arcar com reformas. Nesse conceito, você aproveita o seu espaço como ele é, interferindo na decoração somente com móveis, elementos e outros objetos que trazem personalidade ao ambiente. É o ideal para quem está adquirindo empreendimentos que possibilitam a personalização de plantas.

Hoje em dia, existem diversos móveis capazes de mudar totalmente a “cara” de um cômodo, como biombos, prateleiras suspensas, cadeiras para amamentação, berços conceituais e muito mais. A ideia é pesquisar bastante e abrir a cabeça para receber a infinidade de opções modernas que o mercado de decoração de quarto de bebês oferece.

7. Aposte em móveis funcionais

Outra ideia versátil e prática para decorar quarto de bebê é com móveis funcionais. Eles são projetados para decorar e serem úteis ao mesmo tempo, poupando espaço do ambiente e facilitando a vida de todos. Um exemplo são as cômodas com trocadores, que têm o tampo de cima pensado para a troca de fraldas dos bebês. Isso torna desnecessária a aquisição de outro móvel e ainda deixa o ambiente mais livre.

Há, ainda, camas auxiliares, também chamadas de camas-babás. Elas podem facilitar a presença do responsável no quarto do bebê durante os primeiros meses e ainda se transformam em um belo sofá durante o dia.

Para se inspirar, a dica é procurar e visitar lojas de móveis, sites de fotografias ou revistas de decoração específicas para decoração de quartos de bebê. O importante é transformar esse momento em algo divertido e com menos ansiedade.

Gostou de conhecer nossas dicas de decoração de quartos de bebê? Tem amigos em busca de transformar o cantinho do filho? Aproveite e compartilhe esse conteúdo com eles!

Você também pode gostar

Um comentário em “7 dicas para fazer uma decoração de quartos de bebê impecável

Deixe um comentário